Reborn!

Há apenas uma razão pela qual eu não deixo tudo para trás e começo de novo, do zero. Uma simples razão pela qual eu não apago tudo o que já fiz e o que deixei de fazer e começo a trilhar um novo percurso. Simples. Apagar uma virgula do que deixei seria apagar uma virgula de quem eu fui, de quem eu sou e de quem eu vou ser.

Há muito tempo que não passo por aqui. Não falo só fisicamente, ou digitalmente. Desde o início do ano passado que a minha cabeça viaja por outros mundos, mas quase nunca por este, o que não significa necessariamente que tenha deixado de pensar em quem ficou... Mas hoje eu voltei, e voltei com o intuito de não mais ir embora. Porque hoje eu volto diferente.
Sempre disse que não era doente, que não tinha problema nenhum, que não precisava de ajuda. Porém, hoje afirmo exactamente o contrário. Eu sou doente. Eu tenho problemas. Eu preciso de ajuda. Mas não são precisos alarmes. Eu sei, porque na verdade eu sempre soube, que não sou prisioneira de um Transtorno Alimentar. Aquilo que me aprisiona e não me deixa viver livremente é a minha cabeça, a minha emoção e a minha opção de escolha. E hoje, eu sou diferente porque eu aprendi a admitir que sou humana e que falho, aprendi a admitir que não posso construir uma armadura de ferro indestrutível, aprendi a admitir que mais do que a ajuda dos transeuntes que na minha vida passam, eu preciso de me ajudar a mim.
Mas não foi fácil. Aos poucos eu fui-me abandonando. Fui-me preocupando mais com o que parecia do que com quem eu era ou com o que eu sentia. Deixei-me sozinha num armário escuro, enrolada no chão a chorar. E quando finalmente aquele meu eu deslocado se começou a erguer eu entrei em pânico e sofri. Porque tudo o que tinha conseguido estava a cair, todos os meus esforços tombavam como as folhas no Outono. Não conseguia perceber o que se estava a passar, não entendia que o sofrimento que me corria no corpo não era mais do que uma batalha entre dois mundos distintos, aos quais eu não dava a devida importância. E quando aquela criatura abandonada no fundo de um armário teve forças para se erguer, para abrir a porta e deixar entrar a luz, eu morri.
Por isso, hoje eu renasço. Aqueles posts que tenho feito, as mensagens que tenho deixado não são mais do que lampejos do que eu não quero voltar a ser. Mas sim, eu caio, eu volto atrás, eu corro em círculos até encontrar uma maneira de virar a página.
Eu não desisti dos meus objectivos, apenas aprendi que não posso fazer deles a minha vida, mas da minha vida um objectivo. Aprendi que a superficialidade do mundo não vale a minha existência. Aprendi que me criticar é a única maneira de me melhorar, mas não de fora para dentro, de dentro para fora.
Quero sorrir, cantar, dançar à chuva. Quero ser a criança livre que eu mesma nunca me deixei ser. Quero recuperar tudo aquilo que perdi porque estava demasiado concentrada a ser quem o mundo queria que eu fosse e não quem eu queria ser para o mundo...

Ver uma imagem no espelho que realmente reflicta o invólucro que me convém não passa de um degrau na subida da minha felicidade. Deixei finalmente de me sentir escrava do espelho, da balança e do prato. Continuo a querer mudar o exterior, mas não o quero fazer para substituir o interior. Quero uma pessoa limpa, por dentro e por fora. Quero que o exterior que procuro seja só um pequeno complemento do interior que eu sei que nunca vou ter, porque eu não sou perfeita. E quando eu cair, eu vou levantar-me. Quando chorar, eu vou sorrir. Quando escurecer, eu vou brilhar. Porque eu sei que vou cair, que vou chorar e que vai escurecer. Mas acima de tudo, sei que não me vou matar por aquilo que não posso ter.


Desculpem-me por tudo, até pelo texto infinito. Desculpem-me pela sucessão de "eus" e a ausência de "tus" e "vós".
Amo-vos

16 amores-perfeitos *-*:

Bonequinha de trapos disse...

PD (desculpa mas apesar de tudo é dificil chamar-te por outro nome), começando, Lolita linda!
Simplesmente amei o texto! Ontem quando me dizest "bem psicologicamente mas nal fisicamente" e eu respondi com um gigante "óptimo", tive medo que me levasses a mal, que pensasses que me tava a lixar para ti assim bem de alto... mas hoje, com este post, vejo que não... era isto mesmo que eu queria ouvir e que quero que faças.
Tu és linda, eu sei, eu conheço-te, já te toquei (lol), e desde que a psique esteja bem, tu estás perfeita!!
Nós somos aquilo que queremos ser e a nossa atitude na vida demarca a nossa personalidade...por isso sê muito muito feliz!
Cai, morre e renasce de seguida! É uma ordem! Levanta-te seeeempre!
Adoro.te miuda!

Pucca disse...

Minha querida, acho que quando a gente assumi o problema fica tudo mais fácil. Porem nem tanto porque tudo na vida é difícil.
Seja forte, seja você!

my ana disse...

oi olha gostei muito do seu post sou ana mia e mitas vezes penso em parar hj vendo seu post fikei pensativa em saber q uma garota com T.A esta consiente e seu pisicoligo bom
adorei a forma como c escreveu e fikei feliz em saber q vc descobriu muitas coisas novas bj
força lute pelos seus objetivo alias pelo unico objetivo viver

menina_borboleta disse...

Sejas bem aparecida, eu tambem tenho andado um pouco ausente da escrita...
Força linda, és forte, as vzes é preciso ir ao fundo pra depois sorrir pra vida
Beijo grande

psicoanna disse...

Oi, lindo txt verdadeiro, não parece mais um texto que tenta mostrar o que vc não é. Tens razão, tb estou cansada de deixar as minhas obsessões tomarem conta de mim, mas ao msm tempo, parece que preciso delasa.

Boa sorte no seu renascimento, que encontres akilo que buscas.

Bjoss

P.S: Adorei o novo layout.

Menina d'Luxo disse...

Ola amora,
sabes acho que aquilo que tiveste foi aquilo a que os alcoolicos chamam de "momento de clarividencia" onde derrepente vemos a verdade, ja o tive tambem e ao ler as tuas palavras senti a ler-me aqui a pouco tempo atras. Nao te sintas egoista por falar de ti no teu proprio espaco,e para isso que ele serve. Para dizeres em vos alta e em bom som o que te rasga a alma, o que te devora a boca e deixares que escorra pela tela.

A morte faz parte de cada novo renascer, entao luta sempre por ti seja la o que isso for, nunca desistas de ti.

Bjhos na pontinha do nariz.

Borboletas no estômago disse...

Flor,
gostei do teu blog e estou te linkando!
se puder passa lá no meu!
bjs:**

cristinaproana disse...

Oi amora... adorei sei post !
Acho que vc está mais que certa, temos que ser nós mesmas e buscar ser aquilo que somos e não o que todos querem que venhamos a ser.

Espero que vc consiga encontrar um equilíbrio entre esses dois mundos e o mais importante: SEJA FELIZ !!!

Não some não... beijos

Violet disse...

adorei. a sério. revi-me tanto tanto na parte do início.
«Deixei finalmente de me sentir escrava do espelho, da balança e do prato.» - fico feliz por isto :) não devíamos reger a nossa vida a volta disto. não devíamos permitir que o nosso peso ditasse a nossa felicidade. devíamos deixar que ele fizesse apenas parte dela..
beijinho, força *

Lord-insane disse...

Boa sorte na tua escolha, espero que realmente te faça bem.

Voltei à ativa^^

Cristal* disse...

Simplesmente amei o texto, foste mesmo tu que te descobriste, que abriste os olhos e que não és mais a escrava dos teus objectivos.
Força.
Boa páscoa.
Baci*

MISS PRISS disse...

qd ver q não consegue e precisar de força... lhe ofereço a minha ajuda.. apesar de estar aos cacos ainda sou capaz de juntar os seus... acho q a clareza diante dos problemas facilita a solução... mas se vc não sabe qual a solução... peça ajuda... vc é linda e merece td de bom

Bubbles disse...

Welcome back. :)
Gosto muito do fundo.

*

ness disse...

eu nunca vi ninguém pedir desculpas por abrir os olhos das pessoas de uma forma tão... linda!
fiquei mais que feliz em saber que tu esta assim, bem. e principalmente resolvida.
estou aqui, pra ti e contigo.

love you too. forever.

Gàbsi Antonelli disse...

Amora minha, que bom vc ter voltado a fazer contato.
Adoro-te! ♥

Black Cat disse...

Que bom que voltou, linda, mais decidida e mais madura...

Não suma de novo ♥

(Rose Cassée aqui ♥)

Enviar um comentário

SMILE ;D

 

Design in CSS by TemplateWorld and sponsored by SmashingMagazine
Blogger Template created by Deluxe Templates